Como a nuvem pode ajudar a reduzir custos de proteção contra desastres - Blog - iamit

Como a nuvem pode ajudar a reduzir custos de proteção contra desastres

Reduzindo custos de soluções de proteção contra desastres com a nuvem

Muitas organizações que buscam soluções para continuidade de negócios, acabam esbarrando em projetos caros e difíceis de serem implementados. Esse artigo apresenta de forma sucinta soluções modernas que podem fazer com que esses projetos saiam do papel.

Por que a continuidade de serviços é importante?

A continuidade de negócios é um tema de alta importância dentro das organizações. Quanto custa deixar nossos colaboradores sem atividades devido a falha em um sistema crítico? Quanto nossa empresa pode deixar de faturar se o CRM parar de funcionar? Como faremos para continuar trabalhando se ocorrer um incêndio em nosso prédio?

Isso custa dinheiro

O investimento na prevenção de indisponibilidade pode ser bastante alto, se feito da forma "tradicional". Esse forma se dá, em geral, com a compra de espaços em datacenters, aquisição de hardware, linhas de comunicação e licenças para espelhar um ambiente produtivo. Em caso de falhas catastróficas no ambiente, a equipe de TI deve correr para executar as atividades necessárias para que tudo volte ao normal. Isso inclui, redicionar os clientes para os sistemas no datacenter, restaurar backups e reconfigurar serviços. 

Aos olhos do CFO, o fato de que toda essa infraestrutura fica em standby, esperando que o pior aconteça para que seja ativada, torna o serviço ainda mais caro.

Outro aspecto importante desse tipo de cenário é o monitoramento dos serviços em produção. De que adianta ter uma infraestrutura pronta para atender aos usuários no caso de uma falha, se não conseguimos transferir os serviços antes que o pior aconteça?

Soluções ao alcance de sua empresa

Com o advento das soluções baseadas em nuvem, os custos relacionados a soluções de proteção contra desastres podem cair substancialmente.

Além das funcionalidades de Análise de Logs e Insights, O Microsoft Operations Management Suite (OMS) é uma ótima opção para proteção e recuperação. Com Backup em nuvem integrado e recuperação de desastres, o OMS provê uma solução com ótimo custo benefício para proteger soluções e dados corporativos. A solução permite a automação de processos de recuperação em caso de queda de um site ou datacenter, garantindo uma transição suave de seus serviços para a nuvem.

O OMS ajuda as organizações a se beneficiar do Azure como seu site de recuperação, eliminando a necessidade de investir em um novo Datacenter. Se trata de uma solução robusta que provê proteção para cargas de virtualização sendo executadas no VMware, Hyper-V e servidores físicos, além de gerenciar servidores executando Windows e Linux. Você cria seus planos de recuperação com os gatilhos automatizar o processo de recuperação. Você pode facilmente testar esses planos de recuperação, sem afetar o seu negócio e garantir que está preparado para atingir o nível de disponibilidade que seu negócio necessita.

Em que cenário sua empresa se encontra?

Empresas em dois cenários podem aproveitar essas ofertas de proteção contra desastres na nuvem:

  • Empresas que desejam reduzir os custos de manutenção de um site secundário disponibilizado em um datacenter
  • Empresas que não possuem os recursos para implementar uma solução de proteção contra desastres

Conclusão

Soluções de prevenção de desastres com o intuito de manter a continuidade dos negócios, quando implementadas da forma tradicional pode gerar custos proibitivos as organizações. As soluções em nuvem como o OMS fornecem um custo-benefício efetivo para esse tipo de implementação, permitindo realizar backups de forma integrada e automatizar o processos de recuperação. Empresas que desejam reduzir custos de uma solução existente e aquelas que não dispõe de recursos para implementar uma solução tradicional, podem se beneficiar de soluções de proteção contra desastres baseadas em nuvem.

Compartilhe esse artigo:
comments powered by Disqus